BTCast 113 – Sofrimento

 

Muito bem (3x), começa mais um #BTCast entrevista. Bibo e Alex recebem o autor Maurício Zágari para falarem sobre sofrimento.

Neste episódio entenda o papel pedagógico do sofrimento, seja advogado de ateus, prepare-se para sofrer e descubra como dar um fim ao seu sofrimento.

Links Comentados:

  • @BiboBTcast | @Mac_Mau | @stahlhoefer | @milhoranza | @BelaDecepção
  • facebook.com/bibotalk | twitter.com/bibotalk | instagram.com/bibotalk
  • Assine nosso canal no Youtube, clique aqui!
  • Assine o feed http://feeds.feedburner.com/bibocast
  • Envie seu comentário em áudio para podcast@bibotalk.com, ou no botão “Gravar Efeito BTCast!” no canto inferior direito da sua tela!
  • Categorias: BTCast,Podcast

    Tags: ,,,,,,,,,,

    • Rebeca da Gama

      “Prepare-se para sofrer e descubra como dar um fim ao seu sofrimento”. Ai, que bom! A proposta de problema já vem com solução! Ufa! hahaha
      Bora ouvir o episódio!

    • Lourival Gonçalves

      Um tema bem legal.Espero um dia ouvir um sobre Teologia da Prosperidade.

    • Jackson Morais Ministro Do Eva

      simplesmente,tremendo. Um dos melhores que tive á honra de ouvir,ouvir em uma perspectiva biblica á importancia do sofrimento foi algo muito edificante para mim,que possamos dar graças á Iavé por tudo.
      parabens turma.

    • Natana

      Olá!

      Acompanho o Apenas tem alguns anos e o Bibotalk há alguns meses. O Mauricio transmite uma serenidade nos seus textos, e apesar da profundidade do conteúdo, são muito didádicos. Ele fala como escreve. Muito legal!
      Sobre o o sofrimento, de fato fica muito mais fácil passar por ele, quando entendemos que existe um propósito.
      Pessoal do Bibotalk, que Deus continue abençoando este trabalho.

    • Lourival Gonçalves

      Estou lecionando nesse trimestre na EBD Sobre Queda e Redenção e essa pegada de Graça ao expulsar o casal nos foi apresentada.Já vai ajudar esse podcast. https://uploads.disquscdn.com/images/6296e29cfb122ab227b9408231679bfbb878857dd22c1b83495720117202c4d4.png

    • Lourival Gonçalves

      Sempre digo que Deus vê o ser humano integramente e a parte mais usada pelos falsos pregadores para enganar é o aspecto físico,ligado as necessidades deste “mundo.Aí fica fácil a manipular quando sabemos onde está o sofrimento do outro.Deus olha e ver nossa maior necessidades.Não peço que os tires do mundo, mas que os livres do mal.João 17:15.Eis nossa maior “necessidade”.Ter uma vida em abundância hoje não passa da provisão de bens temporais.Então isso vai tirar meu sofrimento.Já não sabemos oque é realmente passar por tais coisas.

    • Guilherme

      Alguém sabe qual é o nome da musica que tocou durante os recados?

    • Lourival Gonçalves

      Bibo de Aquino essa semana perguntei aos meus alunos”:A morte de Jesus foi uma morte injusta?.Responderam que sim.Aí pergunta se a morte continuaria um morte injusta mesmo a pessoa se doado para morrer.(Jo 10:17).Justiça se faz com amor.Disse a ele que mesmo o sendo um ato injusto,somente um JUSTO poderia morrer por nós.Justiça se faz com amor.Citei alguns casos da morte dos Bebês como no seguinte texto :”Vai, pois, agora e investe contra Amaleque, condena-o ao anátema, consagrando-o ao SENHOR para destruição de tudo quanto houver na terra em que habitam; não tenhas piedade dele e de seu povo, mata homens e mulheres, crianças e recém-nascidos, bois e ovelhas, camelos e jumentos!” I Samuel 15:3.O texto pra mim é umahiperbole e probatório como na caso de Abraão,mas perguntei se em algum momento da história Deus foi injusto.eles ficaram pensativos.Inclusive usei o Btcast #24 Deus mandou matar.Foi tenso.kkkk
      E Deus respondeu: “Diante de você farei passar toda a minha bondade, e diante de você proclamarei o meu nome: o Senhor. Terei misericórdia de quem eu quiser ter misericórdia, e terei compaixão de quem eu quiser ter compaixão”.
      Êxodo 33:19.

    • Leonardo

      Achei muito legal a história do duplo sentido, muito mesmo. É um baita tapa na cara pra gente que é meio reclamão com os problemas desse mundo.

      Às vezes é bom reafirmar a perspectiva de eternidade, principalmente pra minimizar a dor causada pelos sofrimentos desse mundo. Só senti falta de uma abordagem mais completa sobre a questão da morte, sobre o rompimento que a morte proporciona e sobre como todo sofrimento está subordinado à perspectiva da morte, que por sua vez está dentro da perspectiva do pecado.

      Aliás, eu tenho uma discordância em relação a vocês, quanto a isso: pelo que vocês deram a entender – posso ter entendido erado – (não lembro, acho que foi o próprio Marcelo), a morte de certa forma já existia antes da queda do homem e o homem tinha que ficar comendo da árvore da vida pra ter a eternidade. Mas minha percepção teológica (posso estar errado) é a de que o pecado original trouxe a própria morte para o Universo, naquela percepção cósmica, eu não vejo indício bíblico nenhum de que a morte existisse antes do pecado, tanto que a ordem de Deus pra Adão e Eva era para que eles comessem os FRUTOS das árvores, o que significa basicamente que eles não precisavam matar nada para se alimentar como nós precisamos fazer hoje. Minha impressão é a de que a morte era um conceito desconhecido até Gênesis 3 (mas daí eu acho que a discussão vai cair lá no podcast de Gênesis 1 a 11 real ou lenda também)

      Enfim, desculpem as divagações, nem sei se são apropriadas, mas tava ótimo o podcast.

      • Alexander Stahlhoefer

        Obrigado pelo comentário Leonardo!

        A questão é controversa sim, mas não é exatamente assim que defendemos que a morte antecede a queda ou que a morte já seria uma realidade no Éden. A questão é de que o corpo humano foi criado mortal e a possibilidade de viver eternamente só era possível na relação com Deus, metaforicamente descrita como comer da árvore da vida. O próprio fato de o ser humano ter necessidade de comer no Éden, de o seu corpo ser feito de barro, demonstra que ele é animal, e como tal, perecível. Sua única chance de não perecer estava fora dele mesmo, em Deus, na árvore da vida. Efetivamente não ocorreu morte no Éden, se ocorreria uma morte no Éden? Acredito que não ocorreria uma morte no Éden, pois uma morte no Éden implica em não comer da árvore da vida = negar a relação com Deus e portanto cair. Logo, a morte só entra no mundo com a queda. Este argumento é construido para rebater a tese de que o pecado está ligado de alguma forma à materia do corpo humano e de que o corpo antes e depois da queda eram diferentes, o que a bíblia rechaça ao mostrar em todo seu testemunho que o ser humano sempre foi e permanece barro + folego de vida. Mais sobre esse assunto ouça nossas discussões sobre Antropologia e Hamartiologia.
        Abraço

    • Lourival Gonçalves

      O Alex falando dese irmãos que sofreu,tem um irmã em minha igreja e ela me encoraja por sua força em meio ao sofrimento.Parece meio estranho,mas quando a Diáspora aconteceu ,por meio do sofrimento da perseguição ,a Igreja cresceu.É incrível como somos impactados com o que vem contra nós.Quando Jovem sofri de Hanseníase tomei remédio por dois anos e mais e três em estágio reacional.Em 2011 o problema voltou.Resumindo,nunca achei Deus culpado,afinal jamais a dor deveria suplantar seu amor em nós.Tem um cara que diz que cristão que veem um propósito de Deus no sofrimento não estão munidos de Fé,mas sim “masoquistas “.O mesmo cara passou por uma cirurgia e disse que não teve Fé o suficiente.A Fé não nos prende,ela verdadeira nos livra.Parabéns pelo Podcast.Muito bom.

    • Lourival Gonçalves

      ah,show de bola a vitrine.kk

    • André Lopes

      Gostei do episódio, acredito que Deus torna o mal (ou sofrimento) em algo bom na perspectiva eterna e não que Deus cause esse sofrimento. Muitas vezes o sofrimento é causado pelo pecado do outro, pelo pecado de forma conceitual (no caso de desastres naturais, por exemplo), pelo nosso próprio pecado ou simplesmente pela aleatoriedade. O problema é quando queremos classificar, como os amigos de Jó… tem horas que devemos simplesmente sentar do lado do que sofre, orar, chorar e abraçar…

      • Filipe Fernandes

        André, acredito que quando Deus permite um sofrimento em alguém por conta de pecado, não é para punir o pecador, e sim para ensiná-lo e permitir que ele cresça em meio ao sofrimento, entende?

    • Deborah Pedroso

      Muitos cristãos tentam negar que o sofrimento exista em uma vida que se entregou a Jesus. A maioria deles só sabe o que é quando passa por ele. Recebi o ensinamento errado do que é ter uma vida plena em Cristo, e quando precisei passar por esse doloroso momento em minha vida foi que pude entender as palavras de Cristo: “no mundo terei aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo”.
      Acompanho o Zágari há alguns anos e em seus texto ele vem tentando, já algum tempo, desmistificar esse chavão cristão de que crente não sofre. Deus tem usado muito a vida dele para me abençoar. Louvado seja Deus.

    • Carlinhos Vilaronga

      Galera que programaço! Muito legal a discussão. Fiquei contente de conhecer o escritor também, desconhecia suas obras. Parabéns pelo trabalho e como diríamos aqui em terras nipônicas: Ganbatte! ou em nosso querido portuguềs: Força, garra e bola pra frente com o BTCAST.

    • Filipe Fernandes

      Nossa, impactado com esse podcast!!! Me lembrou uma coisa que um professor da minha faculdade já disse uma vez: “uma boa obra de arte só se tornou boa porque foi produto de muito desconforto do artista.”

      Gostei muito quando vocês falaram da morte dos primogênitos do Egito e gostaria de acrescentar que para nós, eles morreram, mas para Deus, eles apenas foram levados de volta à Sua presença.

    • Zé Barreto

      Fala Bibo,

      Me diz quem canta essa versão do Hallelujah que vc colocou no final desse pod cast.

      Xúrias !!

    • Dá pra dar 6 estrelas? rsrs

    • Fala Galera! Este episódio certamente impregnou meu coração com um sentimento de profunda alegria e regozijo por poder escutar algo tão maravilhoso partindo de um tema aparentemente difícil. A maneira como foi tratado o assunto, o entusiasmo do Maurício, a edição primorosa, fizeram deste BTCast, em particular, algo sublime e que certamente provocou uma mudança, pelo menos em mim. Grande abraço.

      Luis Vulcanis
      http://www.esconderijounderground.com

    • Leandro

      5 estrelas é pouco!
      Mto mto bom, convidem o Maurício mais vezes, please!!!!

    • Muito excelente essa conversa. Mais um contato legal que vou passar a seguir e acompanhar. Muito bem pautado e a conversa prende até o final. Parabéns Bibo pela qualidade de sempre.

    • Willian Rochadel

      Podcast incrível! Para salvar em favoritos, ouvir infinitamente e compartilhar muito!
      Parabéns pela profundidade e ao mesmo tempo humanismo que conduziram o papo. Afinal, é um assunto que a religião tenta criar semi-deuses que não sofrem nada.
      Simplesmente sensacional.

    • Ronarigudo

      Muito bom o podcast! Como sempre, neh…
      A soberania de Deus é algo que o ser humano não compreende, e por isso questionamos o sofrimento.

    • Rêh Dutra

      Edificante