BTCast 047 – Êxodo

 

Muito bem moçada #BTCast na área trazendo teologia saudável para vocês. Como estamos na semana da Páscoa, nada melhor do que pensarmos sobre o evento que gerou essa comemoração.

Nesse podcast encontre Deus no monte, enfrente o Faraó, fuja da praga, atravesse o deserto e entenda porque o Êxodo é o evento central do Antigo Testamento.

A vencedora da promoção Essência foi a Bruna Fritz de Blumenau.

Arte da capa de Brão Barbosa, no site dele você encontra outros trabalhos bem como o desenvolvimento das capas que ele faz pra gente http://braobarbosa.com

Links comentados no episódio:

 Siga-nos no twitter @bibotalk @Mac_Mau @stahlhoefer

Curta nossa FanPage www.facebook.com/bibotalk

Assine o feed http://feeds.feedburner.com/bibocast

envie seu comentário em áudio para podcast@bibotalk.com

ARQUIVO ZIPADO, clique aqui! clique com o botão direito em clique aqui e salvar link como

Ouça no PLAYER acima ou clique em DOWNLOAD para baixar (clique com o botão direito do mouse e escolha a opção Salvar Destino Como, ou Salvar Link) Arquivo MP3!

Categorias: Aliança,BTCast,Podcast

Tags: ,,,,,,,,,,,,,,

  • Fabio Thomaz

    Show! Baixando.. =)

    • Olha aí, o Fábio como “first”, haha.

      Valeu parça!

    • Bibotalk

      O Mac, se pá, faça mais uma festa aí, to com saudade do Fabio hehe

      • Fabio Thomaz

        hehehhehe
        Quando eu estiver em Joinville, vamos nos encontrar pra bater um papo.

        E sobre o BTCast 047, só tenho a dizer que ficou fantástico!! Parabéns moçada!

        Um grande abraço!

  • Baixando!!!

  • Matheus Mojon

    É sempre bom ouvir podcasts que tem como tema o antigo testamento. Com certeza esse programa me tirou muitas dúvidas e esclareceu muitos pontos.
    Deus abençoe vcs!
    Um abraço

  • Caaaaara!!!!este Pod eu qualifico com 5 estrelas.Mas deixo só dizer Algo a Sobre o convidado..Todo Vez que que eu ouço o nome Milhoranza,eu faço um ligação com remédio para dor de Cabeça..kkkkBrinkadeirinha,o Milhoranza arrazou neste Pod..
    Eu estive batendo um papo com o Jovem de Minha Igreja e nós conversavamos algo parecido com o este Pod,inclusive estive pregando uma mensagem que tinha o Tema:Uma Geração Sem memória,e o meu subsídio foi BTcurta Número Quatro http://bibotalk.com/audiopost/audiopost-04-importancia-da-historia-para-o-cristao.Então quando o Bibo Comentou sobre a real reflexão quando tomamos e celebramos a Santa Ceia e lembrei dessa conversa com este jovem…E neste Papo e disse a el:”Infelizmente algumas pessoas transformaram a Santa Ceia como Algo, Simplismente, rotineiro,sem sentido algum ,e isso as deixaram insensiveis.

    Lembrar, neste caso nos remete ao agradecimento,e ao constragimento,visto que tomamos o amor Deus o único e capaz de Nos Liberta,Libertar pessoas incapazez de ao menos lembrarem de seu Grande amor,sim,este amor que nos Constrange.Ufa!!!
    Deixo eu ouvir este pod mais uma Vez!!!!kkk!!!

  • Cássio Moura

    Bibo, sobre a praga de meteoritos, li um nota de rodapé (se não me engano, na King James) em que é citado algo relacionado. Parece que foi uma erupção vulcânica, ocorrida em Santorini, na Grécia. Fui procurar e encontrei isso aqui: http://www.criacionismo.com.br/2010/04/cientistas-tentam-explicar-as-pragas-do.html

  • Poxa já me chamaram de ERVILHOranza, LENTILHOranza, FEIJÃOranza; mas associar meu nome com remédio de dor de cabeça nunca HAHAHAHAHA.

    Valeu pela audiência Lourival.

    • kkkkkkkkkk!!!Precisando!kk.Tudo de Bom Pra Ocê!Fique na Paz e aquardo outros pods.

    • Leo

      Uma vez voce comentou sobre a lei da semadura e disse que por isso plantava milho. Bom demais te ouvir no btcast.

  • Manos, não entregaram menos do que já estamos acostumados, rsrs, valeu!

    Fiquei curioso “Milho” sobre a questão da retomada (não achei um termo melhor) da questão da mística. Walter Benjamim tem algumas teorias apontando nesse sentido, entretando, divergimos – sendo cristãos – quanto à prática. No caso dele, indo para uma espécie de uso da cabala judaíca.

    Por isso, queria alguma indicação de quem são os pensadores atuais ou não que estão debruçados sobre este assunto.

    VALEU!!!

    • Grande Abner, o Melanias! Muito obrigado pela audiência.

      Bom, quanto à mísitca que abordamos no programa tenho o mesmo conceito do Bibo. Em virtude da mísitca mal empregada abandonamos a verdadeira mítica.

      Eu entendo por mística o relacionamento humano-divino, pois ultrapassa as barreiras físicas. Um bom exemplo é a Ceia do Senhor. Ficamos tão ressabiados em virtude do romanismo, ao meu ver, que reduzimos TUDO a um mero memorial, quase sem significância divina, apelando muitas vezes apenas à razão e desprezando o lado transcendente do ritual.

      Embora não seja especialista no assunto eu recomendo a leitura das obras de Rudolf Otto, especialmente “O Sagrado”. Ele trata sobre a questão do encontro do homem com o divino resumido na expressão “misterium tremendum”.

      Creio que este assunto mereça um podcast inteiro e com certeza gerará muitos debates (espero que sadios e ordenados) para resgatarmos o equilíbrio de uma geração que está morrendo por desprezar o mistério divino-humano.

      • Valeu mano, vou dar uma olhado no “Sagrado” do Rudolf Otto.
        Quanto ao tema para um próximo podcast acho SENSACIONAL. Pode ser aqui ou num TeoCast, hein?! HEIN?! rsrsr

        VALEU!!! =D

      • Bibotalk

        já está marcado na pauta!

  • Luciano Coelho Alves

    Muito bom, muito bom mesmo.. Essencialmente sobre a salvação e seus aspectos salvíficos. Show de bola pessoal.

    Parabéns!!!

    Parentesis para o comentário do Milhoranza para os filhos “tentem se comunicar por sinais” essa foi showzaço!!! Sem falar no expanto geral da galera ao saber a tua idade… Imagina se fosse do tempo de Matusalém o que eles diriam?

    Abraço e esperando o próximo (podcast)!!!

  • Bibo, Alex, Mac e o Milhoranza de convidado não podia dar outra coisa….podcast de ótima qualidade.

    A respeito da questão da mística que também me chamou bastante atenção, será que os protestantes não deixaram a questão mística de lado da santa ceia para se diferenciar da santa ceia católica que diz sobre a transubstanciação?

    Fico imaginando que desde lá do comecinho da história era difícil dissociar isso dos pensamentos dos novos convertidos da reforma. Daí seria “mais fácil” e simples tratar a ceia como apenas um memorial.

    O que vocês acham?

  • Rodrigo da Luz

    Como diria o Depuado Tiririca: “Fantardigo”!
    kkkkkkkkkk

  • BTCast 47 animalescamente furioso!!! Meu corpo não comportou correr e escutar ao mesmo tempo! Tive que caminhar, pois se insistisse teria um derrame!!! Minha memória não é 16GB, tava sobrecarregada, comecei a travar!!!! Hahahahhaah E um viva ao efeito BTCast!!! Dá-lhe hemorragia nasal!!!

    • Que parada é essa de Brad Pitt? hahaha. Ah, uma tunda de laço nesse couro, rsrs.

  • Robson Batista

    Quanto a questão da mística, parece que muitas igrejas à tem trocado pelo misticismo, incorporando ao culto, à igreja e até na Ceia elementos que não tem nada em comum com Cristo, banalizando e tornando o Culto a Deus em um mero ritual pagão. Eu mesmo já vi por ai uma série de igrejas que transformaram a Santa Ceia em um espetáculo bizarro, com diversos “tipos de Ceia”, a dos ministros, dos viciados, dos afastados, da vitória e de mas uma série de maluquices que afastam as pessoas da verdadeira mística que envolve a Ceia. Lamentável.
    Quanto ao podcast, perfeito como sempre, parabéns

  • Esplêndido!
    Como é de costume, um podcast muito edificante!

    Abraço a todos.

  • Max Wagner

    Sou escritor,historiador,teólogo e ministro do evangelho na Comunidade Evangélica Aliança de Ribeirão Preto.Gostei muito desse podcast sobre a Páscoa.

    Gostaria de compartilhar com vocês uma informação sobre o Exôdo.

    A Bíblia diz que os hebreus quando saíram do Egito atravessaram o Mar Vermelho, essa referência advém da Septuaginta (versão grega do Velho Testamento) mas a tradução original hebraica se refere ao “ Mar dos Caniços “ ou “Mar dos Juncos “ como explicar essa divergência ? bem, o Mar dos Caniços é uma estreita linha de água que existe onde hoje é o Canal de Suez, claro que essa água vinha do Mar Vermelho, mas afirmar que eles atravessaram o Mar Vermelho não seria correto, pois se for observado no mapa da região, eles não poderiam ter atravessado a enorme faixa de água do mar que se estende por centenas de quilômetros, concluindo: Deus abriu o Mar dos Caniços para que os hebreus pudessem atravessar, essa faixa de água é um canal que recebe as águas do Mar Vermelho.

  • Manos, mais um pod excepcional… Obviamente tratar do Êxodo em um podcast foi uma tarefa hercúlea, pois existe muito conteúdo.

    Minha cabeça explodiu com o lance do “Mar dos Juncos”.

  • Fábio Vilas Boas

    Mais um podcast sensacional!!!
    Depois de ouvi-lo, complementei o estudo escutando novamente o podcast 25, pascoa. Assim pude refletir sobre a importância desses dias, conforme a dica de vcs, e finalizando no domingo com o culto de ceia.
    Que Deus prossiga a abençoa-los e capacitá-los!
    Abraços!

  • Leo

    Queria saber do Alex, nos 55 minutos ele fala da historicidade de Adao e Eva, poderia ser mais claro?

    No mais, otimo podcast, convidem o Milhoranza mais vezes.

    E a serie gigantes? me edifica muito ouvir e relembrar os anteriores.
    Sugestoes: Spurgeon, Owen, John Bunyan, George Müller…

    quanto ao mar de juncos, nao poderia ser o nome dele à época?
    vejam nas diversas traducoes, mar rojo, red sea, etc:
    http://mlbible.com/acts/7-36.htm

    ja havia lido isso a mais tempo
    http://tempodofim2.tripod.com/Exodo.htm

    http://www.arqueologiadabiblia.com/2010/02/as-provas-do-exodo.html

    E entao moçada?

    • Alex

      Leo,

      Para mim Adão e Eva podem ter existido, mas isto não afeta em nada a qualidade da revelação teológica, e a verdade teológica comunicada pelo relato. Isto é, tanto faz se existiram ou não como indivíduos, importante é que a humanidade (Adam) age conforme sua genitora (Eva): se rebelando contra Deus e dando ouvidos ao inimigo. O Relato é cheio de elementos que nos conduzem a uma teologizaçao do texto. Quando fechamos ele hermeticamente como um relato simplesmente histórico perdemos o foco teologico. Então precisamos segurar as duas pontas: tem o fato histórico de que Deus criou o ser humano e tem o relato escrito milhares de anos depois contando a origem de um problema antropologico grave. Solução fácil pra isso não tem. O liberalismo classico jogou fora a hamartiologia, os fundamentalistas transformaram isto no terceiro capitulo do livro de história universal pro Ensino Médio. Ambos erraram ao desconsiderar o propósito teológico e histórico do relato.

      • Leo

        Alex, não consigo ver a historia de Adao e Eva tão hermetica assim, consigo apreender (com dois e’s mesmo) a criação divina, e entrada do pecado na semente humana, creio que eles existiram como pessoas, os primeiros seres humanos e que por eles o pecado veio ao mundo. Nao consigo ver dicotomias nessa questao. Acho complicado quando alguem mitologiza Adão e Eva, ai sim fica mais dificil expicar varias passagens biblicas e a questao do pecado e sua entrada no mundo.

  • Claudio Marcio de Souza (Maclaud)

    Um dos melhores btcasts que ouvi, disparado. Vocês dosaram informação e bom humor na dose certa, curti muito!
    Quando se acha que já sabe tudo sobre o êxodo, vêm vocês com o tal Mar dos Juncos… demais!
    Vale lembrar também sobre a questão dos milagres (ou, pragas): os hebreus viram tantos milagres de uma só vez, demonstrando o poder e o cuidado de Deus, e nem isso foi suficiente pra manter a fé deles durante a peregrinação no deserto, culminando nas constantes reclamações. Isso faz um paralelo com os dias de hoje, onde o povo continua querendo ver milagres e sinais, mas isso de nada ajudará na maturidade da sua fé.
    Um grande abraço!

    • Bibotalk

      Claudio, valeu pelo carinho!
      perfeita a colocação, milagres não firmam a fé.

      sobre o Mar dos Juncos, vamos criar um post a parte pra tornar ainda mais clara esse questão.

      abraço!

  • Hélcio Vitor

    Falaê Bibo, Mac e Alex!

    Muito bom o pod.. amo esses “panoramas” de livros ou temas, servem para fixar os acontecimentos em ordem na cabeça.

    Enquanto ouvia o pod me veio uma sugestão de tema na cabeça.. o que vocês acham de fazer um BTcast falando sobre Israel nos dias atuais? Isto é, se o povo judeu de hoje ainda é o Povo Escolhido de Deus, sobre a interpretação messiânica deles, se nós como cristãos não-judeus devemos algum tipo de respeito ou memória ao judaísmo e, claro, falar sobre questões escatológicas envolvendo o povo israelita. Acho que dá muito pano pra manga, hein!

    Abraços e que Deus os abençoe!

  • Joás

    Olá,

    Eu particularmente acho esse é um dos melhores podcasts. Estamos estudando o livro de Êxodo na Escola Bíblica e estou ouvindo ele várias vezes para ir bem aquecido hehe
    Só uma correção o filme “O Príncipe do Egito” é da DreamWorks e não da Disney

    Fiquem na paz de Cristo!

  • Welber Martins

    Há estou ouvindo esse btcast agora na época q foi lançado o filme êxodo deuses e reis e garanto q vocês vão fazer btlero sobre esse filme no aguardo ansioso