Videopost 002 Apresentação de Crianças

Muito bem, moçada, mais um #videopost no ar. Nesse episódio Bibo  explica porque utilizar a apresentação de Jesus como modelo para a apresentação de crianças em nossos dias pode ser um equívoco hermenêutico.

Assista ao vídeo. Ah, se sua internet não for muito boa, sugiro que assista ao vídeo no Youtube, pode “rodar melhor”

ASSINE NOSSO CANAL, clique aqui!

Twitter Oficial @bibotalk  

Curta nossa FanPage www.facebook.com/bibotalk

Twitter dos integrantes @BiboBTcast | @Mac_Mau | @stahlhoefer | @milhoranza

Categorias: BTPapo,Vídeos

Tags: ,,,,,,,,

  • Marcio Cesar

    BIBO, lá em nossa congregação, nosso Pastor ao apresentar uma criança, ele menciona:”Jesus, porém, vendo isto, indignou-se, e disse-lhes: Deixai vir os meninos a mim, e não os impeçais; porque dos tais é o reino de Deus.
    Em verdade vos digo que qualquer que não receber o reino de Deus como menino, de maneira nenhuma entrará nele.
    E, tomando-os nos seus braços, e impondo-lhes as mãos, os abençoou.”

    Marcos 10:14-16

  • Riba

    Temos a necessidade de tudo procurar bases bíblicas. Não é errado buscar, mas usar algo para justificar a prática é equivocado mesmo.

    Poderíamos simplesmente apenas apresentar e orando pela vida dela. Só.

    • Riba

      “Simplesmente apenas” foi dose seu Riba…

  • César Aguiar

    Paz galera! Gostei muito da abordagem do Bibo sobre o assunto, sigo o mesmo pensamento e tenho um questionamento, o que aconteceria se uma família decidir-se não apresentar seus filhos? Sei lá, de repente o pai ou a mãe não são cristãos, seus filhos seriam rejeitados? Penso que não teria problema algum! A própria bíblia faz diferença entre os filhos dos crentes e não crentes olhem 1ª Corintios 7:14. Apresentação e crianças seria um tipo de batismo à seco? Fica o questionamento.

    PS.: Não sou pedobatista, acho o argumento um pedobatista um tanto “forçado”!

    À todos Graça e Paz.

    César

    • Sidinei Reinert

      Sendo estritamente bíblicos, creio que não haja obrigação alguma em se apresentar uma criança à congregação. Parece que essa prática da apresentação é uma tentativa de substituir o pedobatismo por uma prática talvez mais bíblica. Mas, como não existe prática “meio bíblica”, essa tentativa de substituição foi um baita tiro no pé. Sendo “estritamente bíblicos”, a Apresentação de de Bebês e o Pedobatismo estão no mesmo barco, e talvez os pedobatistas tenham até uma vantagem sobre nós. Pelo menos eles tem alguns bons argumentos para batizarem crianças, coisa que nós não temos para praticarmos o ritual de Apresentação.

  • Marcio Cesar

    O tema/vídeo exposto pelo BIBO não incita a “Apresentação” como rito, porém, caso a igreja(congregação), opte por realizar este ato ou queira incluir como COSTUME/MANEIRA/FORMA, existem versículos bíblicos que possam ser acompanhados do processo, sem colidir ou ferir com o contexto do mesmo.

    • Mac

      Excelente, Marcio.

  • Marcio Cesar

    Retificando a frase:
    “existem versículos bíblicos que podem ser acompanhados do processo sem colidir ou ferir com o contexto do mesmo. – See more at: http://bibotalk.com/btvlog/videopost-02-apresentacao-de-criancas#comment-11853

  • Mônica Ferreira

    Olá, pessoal do BiboTalk! Meu nome é Mônica, tenho 27 anos e moro na cidade de Serra, Espírito Santo. Conheci o BTCast pelo site dos Crentassos e gostei muito da série plenitude do Tempos, que é a minha favorita (por enquanto, ainda não ouvi Gigantes). Mas fiquei surpresa que o último episódio é de julho de 2013! Poxa pessoal, vamos atualizar! Quero saber as opiniões de vocês sobre as bestas, a prostituta e a mulher vestida de sol! Veja bem, quero ouvir as opiniões de vocês, porque não? Se existem tantos livros que martelam com uma certeza absurda que tal besta é isso e que a prostituta é aquilo, nada mais justo que vcs seguissem suas próprias linhas de raciocínio, é claro, embasadas nos teólogos que vcs consideram mais coerentes.

    Apesar disso, eu curto muito o pod e continuem assim. Sempre tive vontade de cursar Teologia, e ouvir vcs me fez ficar com mais vontade ainda. Já decidi de uma vez por todas qual será a minha segunda graduação. Abraços!

    PS: Desculpem o comentário não ter nada a ver com o Videopost, mas nos BTCasts eu ouvi que vcs não leem mais emails, então decidi arriscar no comentário mesmo. Agora, sim, tchau!

    • Mac

      Olá Mônica.

      Primeiramente, agradecemos a audiência 🙂

      Bom, não lembro se falamos isso ou não, ou se, de repente, você não entendeu corretamente, mas não paramos de ler os e-mails, hehe.

      Quanto a série Plenitude dos Tempos, não encerramos ela (ainda queremos gravar com defensores do pós e pré-milenismo), mas essas sugestões feitas por você são temas menores e bem específicos, que infelizmente não se encaixam na ideia que queríamos para essa série.
      De qualquer forma, ficamos gratos 🙂

      Abraço.

  • gostei muito Parabéns…

  • Curti de +

  • Carlinhos Vilaronga

    Fala aí, Bibo e galerinha do Btcast!
    Tenho acompanhado o trabalho de vocês aqui do outro lado do mundo, no Japão, e tem sido benção. Sou seminarista em um seminário brasileiro com pólo no Japão e congrego em uma comunidade brasileira que faz parte de uma igreja japonesa.
    Legal a iniciativa de posts em vídeo. Gostaria de deixar uma sugestão para o videopost.
    Se a câmera for posicionada de frente ao seu rosto e o locutor desenvolver o hábito de depois de regulada a câmera interagir somente com a lente, cria-se a sensação de diálogo, aquela parada olho no olho.
    É uma pequena sugestão técnica, apesar de eu não ser formado na área.
    É isso! Ânimo! Ou “ganbatte!” que é como dizemos por aqui!
    Deus abençõe! 神の祝福ありますように。