Contraponto 002 – O incrível mundo da dublagem

 

1, 2, 3… Começou!!!

Abner Melanias se junta aos companheiros Bibo e Mac para juntos entrarem no incrível mundo da dublagem. Para essa aventura, precisávamos de uma voz guia. Por isso, convidamos Marco Ribeiro, responsável pela dublagem de personagens icônicos que, de alguma forma, fizeram parte da nossa história afetiva.

Facebook Marco Ribeiro
Contato profissional: mcoribeiro@hotmail.com
Estúdio: Audionews

Assine o feed do novo podcast da família Bibotalk, clique aqui!


Categorias: Contraponto,Podcast

Tags: ,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,

  • O Marco esclareceu que não dublou o Sean Penn em Milk por conta de sua agenda, legal. Então por que a Folha informou que:
    “Não me sentia à vontade para fazer o filme”, afirmou Ribeiro, 38, que é também pastor evangélico. “Não tive vontade porque tenho a voz envolvida com outras questões, assim como não faço determinados comerciais.”

    Marco realmente disse isso ou foi algo pinçado de alguma outra entrevista?

    • podemos perguntar pra ele. Mas como sabemos, essas aspas nem sempre são da pessoa entrevistada. mas vamos perguntar.

    • Estou com o @bibotalk:disqus nessa.

  • Tava aguardando ansioso por esse episódio desde que o Mac deu uma dica sobre o entrevistado num post do facebook!

  • João Lucas dos Santos

    Não vou ouvir um episódio feito com um brinquedo! O BRINQUEDO DE UMA CRIANÇA!
    KKKKKKKKKKKKK

    PARABÉNS!

  • Carlos Eduardo Modos

    Sensacional esse podcast…..

  • Luana Paulichen

    Fiquei imaginando o tempo todo o pastor Marco pregando com a voz do Jim Carrey, foi inevitável. HAHA

  • Esse episódio ficou sensacional!

    Nostalgia bateu forte aqui, foi muito bom! A forma como o Márcio Ribeiro lida com a sua cosmovisão e coloca a sua fé acima de possíveis propostas financeiras, recusando trabalhos que não condizem com a sua condição de fé.

    Abraços.

    André Scalco
    http://ospiacast.com.br

    • Eu fiquei bem impressionando com o equilíbrio e ponderação nas considerações que o Marco fez.

      Abração @andre_scalco:disqus

  • Rodrigo Damasceno

    Muito bom… =)

    • Não é?!?! rsrsrs @disqus_t5hvjb2yFq:disqus gostamos muito de ter produzido esse material.

      • Rodrigo Damasceno

        Opa! Olá @abnermelanias:disqus, continuem com o ótimo trabalho, acredite, sei como é trabalhoso produzir um conteúdo como esse e o quão difícil é ser reconhecido, nada mais justo que dizer parabéns e obrigado por produzir um conteúdo de qualidade. Um abraço.

  • Glória Hefzibá

    Ficou legal demais o episódio! Divertido e informativo =D

    • Ramon Alves

      Glória! Paz!

      Não sei se a ideia é novidade, mas vocês poderiam fazer uma série com alguns cristãos com trabalhos interessantes, assim como o Marco Ribeiro. Tipo o William Douglas, que é jurista, ou o Marcos Eberlin que bioquímico e um dos defensores do Desing Inteligente, enfim. Acredito que seria algo interessante

      • Glória Hefzibá

        Poxa, trazer o William Douglas seria bacanérrimo! O Marcos Eberlin eu não conheço, mas obrigada pela recomendação!

        Nós vamos pensar sobre isso, sim… Apesar que a ideia não é muito novidade. Há alguns episódios nesse esquema que você sugeriu lá no Irmãos.com. Vale a pena conferir!

      • Obrigado pelas sugestões @disqus_8xWsM0i6dq:disqus
        Fico feliz por suas sugestões. Incluirei na lista!!!

        Com certeza, algo interessante virá daí.

    • Valeu @gloriahefziba:disqus =D

  • Rodrigo Rodrigues Malheiros

    Olá pessoal, sou um admirador de dublagem. Não sei falar ou ler fluentemente outros idiomas, o que dificulta ver o original. Como gosto de perceber questões voltadas à imagem, assisto aos filmes dublados. Gosto de saber quem são os dubladores. Um abraço!

    • Poxa @rodrigorodriguesmalheiros:disqus que maneiro esse episódio ter ido de encontro ao que vc curte/procura.
      SHOW!!!!

  • João Carlos Soares

    Muito bom esse episódio. Parabéns!
    Queria saber quem ele dublou em Yu Yu Hakusho.

    • @jo@disqus_bxW1L387UD:disqus ~

      Ele dublou Yusuke Urameshi, Raizen e outras vozes, pelo que sei.

  • Quase chorei de tanta emoção…

    Aliás, quero ir na igreja dos dubladores, agora!!!

    Excelente episódio…
    parabéns!

    Um grande abraço
    Abner Lobo
    http://www.ospiacast.com.br

    • Valeu @abnerlobo:disqus

      Eu só penso ser muito complciado me concentrar no culto.. HAUHAUHAUHAUHAUH

      • ahuashuashuashuashuas
        com certeza… 🙁

  • Wélica

    5 estrelinhas 😀

    • Poxa @wlica:disqus 5??? Que ótimo. Fico feliz com isso!

  • Fellipe Mello

    Curti muito, parabens por esse novo trabalho….

    • Obrigado @fellipemello:disqus
      Espero que vc esteja junto conosco nessa jornada!

  • Ênedy Fernandes

    Excelente!! É gratificante saber que existem cristãos atuando em vários ambientes da sociedade, nos faz entender que realmente o propósito de Deus é salvar gente de todas as classes, culturas etc..
    Mas falando da entrevista, fiquei muito surpreso ao saber que os dubladores geralmente não tem acesso ao filme integralmente, isso faz eu me sentir um pouco culpado em “crucificá-los” tanto! Como é que o cara vai dublar legal se não consegue ver as expressões faciais ou a boca do ator? Complicado! rs

    Enfim, excelente episódio!

    • Eu tb reagi da mesma forma @nedyfernandes:disqus
      Pensava que eles tinham acesso… agora, uma tela preta, nem numa visão pessimista da coisa.
      Sim… MEGA COMPLICADO!

  • Welber Martins

    Boa continua assim Abner esse podcast vai se tornar um dos melhores elevando mais ainda o nível bibotalk

  • Moisés Benicio

    Sensacionais esses Contrapontos, benças!

    • Valeu @bravehunter:disqus obrigado pelo comentário =D

  • Saí de casa com a missão de ouvir essa conversa. O papo foi tão bom, que passei o tempo todo e nem percebi quando cheguei no trabalho. Fiquei os restantes dos minutos no carro até o final do cast. Esse papo me prendeu. A verdade é que tem alguns episódios de qualquer podcast que você passa por cima, acelera um pouco ou desiste pois cansa. Esse me segurou e as perguntas foram em cima da pauta. De fato, tem dublagem que salva o filme completamente, assim como assistir na legenda, você perde muito das sacadas do diálogo, pois a legenda entrega antes o texto. Cara, a igreja onde tem Tom Hanks é mais um impulso pra conversão de nerds. Abraço Abner e parabéns por esse episódio que foi excelente.

    • Essa coisa de ficar meio que “parado no tempo” enquanto ouvimos uma conversa/podcast, já me pegou algumas vezes. Isso não tem preço… fico MEGA feliz que esse efeito foi alcançado.

      Obrigado @Denys_Cruz:disqus pelo comentário e torcida!!!

  • Parabéns pelo Programa, Abner.

    O comentário do Marco sobre os “puristas do áudio original” mas que assistem com a legenda, combina muito muito com que eu penso.

    Eu não gosto de filmes dublados e já estou num estágio que o melhor cinema para eu frequentar é a minha própria TV da sala. Mas muitas pessoas gostam e por conta disso os cinemas cada vez mais colocam longas dublados.

    Cada um que busque a sua menor maneira de consumir uma arte. É complicado a pontar o dedo afirmando o que é certo ou errado ou o que é melhor ou pior.

    Termino com uma Tirinha do Will (http://www.willtirando.com.br/) que exemplifica bem isso tudo.

    Abraços.

    • Pensamos parecido @FelipeMusico:disqus : “Cada um que busque a sua menor maneira de consumir uma arte.”

      E a tirinha no final é de quebrar tudo!!! AHUAHUHAUHAHU

  • Bem legal o podcast! Bacana conhecer mais um dublador, ficou bem parecido com os clássicos de dublagem do Jovem Nerd.

    • Poxa…. se ficou bem parecido, vou considerar um elogio @mmsoares:disqus já que os caras do JN só produzem coisa boa.

      VALEU !!!!

      • Leandro

        Não ficou devendo em nada!

  • Názaro de Brito

    Eu não vejo filme dublado, mas acho a profissão de dublador muito maneira.

    ‘bner, tô feliz por vc cara, vc é um cara que gosta de produzir e sabe produzir conteúdo, não podia ficar parado rsrs.

    • hehehehehehe

      Obrigado @nzarodebrito:disqus pelo apoio cara!!! =D

  • Cecília

    Pauta interessantíssima, parabéns!
    Não concordo quando o Marco Ribeiro diz que só um nativo é capaz de entender 100% um filme no idioma original. Não-nativos fluentes também conseguem entender perfeitamente um filme ou série sem legenda. Não assisto nada dublado, e não é por causa das vozes ou pq seja mal dublado, mas tudo que é traduzido (legenda ou dublagem), perde um pouco do original, principalmente o significado de algumas expressões idiomáticas.
    Já ansiosa pelo 003!

    • Muito bom seu contraponto @disqus_gOVfR5cCzi:disqus
      Eu, por exemplo, não vejo dublado exatamente para treinar.

      O #003 vai ser beeeem legal!

      • Alexander Stahlhoefer

        E eu que vejo dublado em alemão fico como?
        hahaha

  • Fernando Rapozo

    Muito legal
    Imagina ir na igreja e ouvir a pregação do Homem de Ferro rs
    Muito bom o programa
    Deus abençoe!

    • HAHAHAHA isso mesmo @fernandorapozo:disqus impossível não fazer a relação.

  • Não domino o inglês e não sou fã de filmes dublados (principalmente pra ver no cinema).
    Os cinemas mais próximos de casa desistiram de TODAS as sessões legendadas, quando fui questionar falaram que não lotavam, não havia procura. Aí agora vou pra um que fica quase 2h de casa.
    Filme legendado preserva, em boa parte, o texto, que é algo que dou muito valor. Assisto, quando possível, até filme brasileiro com legenda, porque gosto de ir lendo. E depois de ver um filme, às vezes, até baixo as legendas pra ir lendo hahahaha
    Além de que, como ir ao cinema, pra mim, é experiência, quero experimentar o original, e pagar por isso.

    Mas quando tô com muita preguiça assisto filmes dublados de boa hahahah
    E concordo com o que ele falou, já vi filme dublado tão bem que parecia áudio natural. Mas, pra mim, são muito limitados a comédia. Fico imaginando como seria “O regresso” dublado, por exemplo.

    Mas é uma profissão admirável, foi bom conhecer o trabalho do Marco e saber da existência de muitos cristãos no ramo.

    Parabéns pelo episódio. Aguardo os próximos! 😉

    • Caramba… quase minha vida: ter que me locomover quase 2h para assistir uma sessão da maneira como eu planejei.
      Não à toa, o torrent se tornou o veículo pelo qual um sujeito, nessas condições, consome cinema.

      Obrigado @talitadovale:disqus
      Te espero nos próximos =D

  • Leandro

    Gostei dos dois, mas curti mais este programa que o primeiro no quesito “conteúdo diferenciado”. Um pastor dublador reconhecido…, tema muito legal mesmo, parabéns!

    Para futuros temas como o primeiro sugiro, humildemente, convidados com opiniões opostas, tendo vc como condutor/intermediador (claro, colocando seu ponto de vista) e nós, daqui do outro lado, realizemos nossas discussões e reflexões.
    Trocando em “miúdos”, um programa menos “papo de bar” “expositivo” e mais “discutido” (no bom sentido), mais “argumentativo”.

    Espero ter contribuido com este singelo feedback
    Deus abençoe
    tmj

    • @gamma1402:disqus obrigado por esses apontamentos. Preciso realmente desses pontos de observação.
      Acredito que vc entendeu perfeitamente qual a ideia do que eu quero com o Contraponto, porém nem sempre o formato sai da forma como planejamos. Isso, em princípio, não é ruim. Afinal, temos um podcast final com uma boa ideia trocada sobre.
      Eu considero este episódio como “entrevista”… e será assim em alguns CPs: podast + sonora, entrevista, podcast convencional…

      É um desafio ENORME produzir o formato que eu idealizo, por isso, peço paciência para atingirmos uma regularidade dentro desse esquema, rsrsrsrs

      E é claro que vc contribuiu com esse feedback…

      Quero trocar mais ideia contigo! Vamos falando… me siga nas redes. =D

      • Leandro

        tmj. To indicando direto!
        abs

  • Curto muito a dublagem, apesar de assistir mais conteúdo legendado. Não sou 100% fluente no inglês, mas entendo o suficiente para saber quando a legenda está errada, por exemplo. Mas animação fica muito melhor com a dublagem. A dublagem também é ótima no quesito nostalgia. Escutar a voz da pessoa que te animou no passado traz à tona aquele sentimento nostálgico fantástico! 🙂

    Abraço
    EddieTheDrummer (PADD)

  • André Lopes

    De fato, existem dublagens muito boas (como as das animações da Pixar e de atores famosos”), mas existem umas muito ruins… o que eu estou fazendo atualmente até para melhorar meu ingles é assistir com legenda em ingles… bom episódio

    • Vc está certo @disqus_3fy7gYByy6:disqus tem coisas boas, coias ruins e no fim das contas, faço essa opção tb pra melhorar meu inglês.

  • Jefferson Silva Araujo

    Muito bom galera, estou curtindo este novo podcast da família BIbotalk! Podcast de qualidade!

    • Valeu @jeffersonsilvaaraujo:disqus
      Estamos correndo atrás dessa qualidade!!!

  • Victor

    Muito maneiro..só consegui ver agora. Gosto muito de ver entrevista com dubladores porque dá pra ver essas imitações dos personagens. Muito legal ver esse testemunho do Marco mesmo no mundo do entretenimento.

    • Que bom que vc curtiu @VitoPaiva:disqus

      E o testemunho do Marco é realmente marcante.